Envie sua notícia para o
WhatsApp 77 9 9119-4164

Arraste para baixo e veja as notícias.

Conquista registra mais de 100 casos de abuso infantil em 2023

A estimativa é somente do primeiro semestre deste ano.

Publicado em 18/10/2023 - às 21:23
Por Redação | Jornal Conquista
Foto: Reprodução.

De acordo com a Delegacia do Núcleo da Criança e do Adolescente, durante o primeiro semestre deste ano, Vitória da Conquista registrou mais de 100 casos de violência sexual contra crianças. Pesquisas nacionais do anuário da violência apontam que cerca de 68% dos agressores sejam parentes próximos das vítimas, ou seja, pessoas que deveriam proteger as crianças são, na realidade, as que mais cometem esse crime hediondo.

Segundo Rosilene Moreira, delegada do Núcleo de Defesa da Criança e Adolescente, a maior parte das denúncias são de vítimas que são abusadas diariamente. “Na realidade, a gente acredita que essas crianças e esses adolescentes estão precisando de uma proteção maior dentro das suas casas”, conta ela.

As autoridades de segurança afirmam que a maioria das crianças que sofre abuso sexual tem dificuldade em discernir entre carinho e abuso. “Qualquer ato que simule uma conotação sexual, um beijo lascivo, pegar nas partes íntimas, convidar uma criança para uma situação de sexo, são crimes e devem ser denunciados”, explicou a Rosilene.

Para combater esse problema, especialistas recomendam abordar a educação sexual com as vítimas como uma medida preventiva que, segundo os especialistas, não apenas lida com aspectos de comportamento e saúde, mas também capacita as crianças a reconhecerem situações de abuso, seja em casa ou em outros ambientes.

Escuta Protegida Em Conquista, o Centro Integrado dos Direitos da Criança e do Adolescente (CIDCA) é uma rede de apoio e proteção na cidade. O local oferece diversos serviços, incluindo o atendimento do Complexo de Escuta Protegida, um serviço destinado a crianças e adolescentes que são vítimas de violência ou testemunhas, que proporciona um ambiente seguro e cuidadoso durante todo o procedimento legal para garantir sua proteção. Apesar disso, o Governo do Estado pretende tomar a área onde estão localizados os serviços para construir no lugar, um complexo esportivo para o Colégio Estadual Abdias Menezes.

Veja mais: EDITORIAL: Governo desconhece importância do Complexo de Escuta Protegida para Conquista

Clique no botão abaixo para entrar no grupo
Entre no grupo de notícias Jornal Conquista